A gripe suína e o monstruoso poder da indústria pecuária

*por Mike Davis.
Artigo [The swine flu crisis lays bare the meat industry's monstrous power] publicado originalmente no The Guardian (27/04/2009). Publicado também, em espanhol, no Sin Permiso.



"Em 1965, havia nos EUA 53 milhões de porcos espalhados entre mais de um milhão de granjas. Hoje, 65 milhões de porcos concentram-se em 65 mil instalações. Isso significou passar das antiquadas pocilgas a gigantescos infernos fecais nos quais, entre esterco e sob um calor sufocante, prontos a intercambiar agentes patógenos à velocidade de um raio, amontoam-se dezenas de milhares de animais com sistemas imunológicos debilitados. Cientistas advertem sobre o perigo das granjas industriais: a contínua circulação de vírus nestes ambientes aumenta as oportunidades de aparição de novos vírus mais eficientes na transmissão entre humanos. A análise é de Mike Davis.

A gripe suína mexicana, uma quimera genética provavelmente concebido na lama fecal de um criadouro industrial, ameaça subitamente o mundo inteiro com uma febre. Os brotos na América do Norte revelam uma infecção que está viajando já em maior velocidade do que aquela que viajou a última cepa pandêmica oficial, a gripe de Hong Kong, em 1968.

O que provocou tal aceleração na evolução da gripe suína: Há muito que os estudiosos dos vírus estão convencidos que o sistema de agricultura intensiva da China meridional é o principal vetor da mutação gripal: tanto da “deriva” estacional como do episódico intercâmbio genômico. Mas a industrialização empresarial da produção pecuária rompeu o monopólio natural da China na evolução da gripe. O setor pecuário transformou-se nas últimas décadas em algo que se parece mais com a indústria petroquímica do que com a feliz granja familiar pintada nos livros escolares.

Trata-se de uma indústria muito globalizada e com influências políticas. Assim como a gigante avícola Charoen Pokphand, sediada em Bangkok, foi capaz de desbaratar as investigações sobre seu papel na propagação da gripe aviária no sudeste asiático, o mais provável é que a epidemiologia forense do vírus da gripe suína bata de frente contra a pétrea muralha da indústria do porco.

Isso não quer dizer que nunca será encontrada uma acusadora pistola fumegante: já corre o rumor na imprensa mexicana de um epicentro da gripe situado em torno de uma gigantesca filial da Smithfield no estado de Vera Cruz. Mas o mais importante – sobretudo pela persistente ameaça do vírus H5N1 – é a floresta, não as árvores: a fracassada estratégia antipandêmica da OMS, a progressiva deterioração da saúde pública mundial, a mordaça aplicada pelas grandes transnacionais farmacêuticas a medicamentos vitais e a catástrofe planetária que é uma produção pecuária industrializada e ecologicamente bagunçada."


Leia na íntegra em EcoDebate.

Read more...

Arnaldo Jabor fala sobre Carne e Meio Ambiente

O comentário foi publicado na rádio CBN no dia 12/02.

Importante perceber como este tema vem ganhando destaque, e cada vez mais formadores de opinião estão se posicionando contra a industria da carne e incentivando o vegetarianismo. É isso aí!

Read more...

Projeto de lei visa descriminalizar maus-tratos a animais

Tramita no Congresso Nacional o projeto de lei número 4548/98 que está apensado ao projeto de lei número 3981/00 e que propõe que seja removida do artigo 32 da lei federal número 9605/98 (Lei de Crimes Ambientais) a criminalização de atos de maus-tratos a animais domésticos ou domesticados.

Há mais de 10 anos, esse é o principal recurso legal que garante a punição de pessoas que cometem atos de maus-tratos contra animais. A aprovação desse novo projeto de lei implicaria na remoção da caracterização de crime para aqueles que maltratam animais, basicamente denotando tal comportamento como aceitável.

Acompanhe o andamento da campanha acessando: http://veddasartigo32.blogspot.com/

Manifeste-se nessa campanha que o VEDDAS inicia agora assinando o abaixo-assinado que será entregue ao Congresso Nacional e será usado na campanha em conjunto com outras ações.


A petição preparada pelo VEDDAS está disponível em:
http://www.petitiononline.com/artigo32/petition.html

Assine aqui: http://www.petitiononline.com/artigo32/petition.html
VEDDAS – Vegetarianismo Ético, Defesa dos Direitos Animais e Sociedade
www.veddas.org.br
veddas@veddas.org.br



Fonte: http://veddasartigo32.blogspot.com/

Read more...

Wake up!

Curta-metragem Acorde



Clique aqui para baixar.

Fonte: Vista-se

Read more...

SAC Vegano


Tá, virei vegetariana. Mas basta somente parar de comer? E a roupa que eu visto? E o creme que eu uso?
Será que esses produtos que usamos no cotidiano não contribuem para essa indústria da matança?
Para acabar com essas dúvidas, um grupo de vegetarianos criou o site SAC Vegano, baseado na comunidade do Orkut de mesmo nome.

Com "a finalidade de entrar em contato com o Sac de diversas empresas e relacionar quais teriam ou não produtos livres de ingredientes de origem animal, bem como relacionar as marcas testadas em animais". O site ainda tem poucas informações, mas com a ajuda de todos, logo se tornará referência em informações sobre a origem dos produtos de várias marcas.

Acesse: www.sacvegano.com.br

Porque não basta parar de comer, tem que tirar do dia-a-dia.

Read more...

Sexta-feira santa?

Que sexta-feira santa é essa?

Read more...

Incêndio na Perdigão foi ato de sabotagem


Grupos de defesa dos direitos animais receberam há algumas horas uma mensagem enviada por pessoas que assumiram autoria do sinistro ocorrido em Goiás. Supostamente, seriam eles componentes da da ALF - Frente da Libertação Animal. Segundo o comunicado do grupo, a ação foi atrasada em um dia, já que estaria originalmente programada para acontecer em 20 de março - o “dia mundial sem carne.” O texto sugere um incidente com uma fritadeira, fato que teria obrigado os integrantes a adiarem a ação para o dia 21. Durante o incêndio, ninguém se feriu. Comunicou a ALF que “Depois de mais de um ano de estudo e planejamento e algumas semanas sobrevivendo à dura realidade em se estar presente em um local degradante como é o ambiente de um frigorífico que mata 500 mil aves por dia, atingimos o nosso objetivo. O furto diário de 500 mil vidas, roubadas como conseqüência da ganância empresarial e da ignorância dos consumidores, terá uma pausa, ainda que momentaneamente.” As ações da ALF visam sempre à destruição do patrimônio de empresas e indivíduos que lucram a partir do sofrimento dos animais. Há alguns anos, passou-se a explorar uma possível ligação entre o PETA, grupo mundialmente conhecido e apoiado por diversas celebridades em Hollywod, e a ALF. A especulação leva em conta os inúmeros materiais que o PETA já angariou para a produção de vídeos que relatam a exploração dos animais, e que supostamente adviriam de integrantes da ALF. A correspondência termina com uma exortação: “Hoje e sempre, lutaremos até que todos vivam em liberdade”. Por razões óbvias, os membros desse grupo permanecem no anonimato e agem isoladamente em vários locais do mundo.

Fonte: http://ddapelotas.blogspot.com

Read more...

Canadá inicia a temporada de caça as focas


A temporada de caça as focas é um período em que focas ainda filhotes são mortas para a produção de casacos de peles, devido ser esta a faixa etária ideal para a retirada da pele. A autorização para inicio da temporada se refere à caça de 280 mil focas, sendo assim, 5 mil a mais em relação ao ano passado.

Mesmo com vários protestos mundiais, inclusive cogitando o embargo às Olimpíadas de Inverno que ocorrerão no Canadá em 2010, eles não se importaram muito e continuam apoiando esta carnificina.


O pais já é criticado por todo o mundo, pois nos países que possuem o período de caça as focas, nenhum chega nem perto do numero de focas que são mortas no Canadá.


Assine a petição contra essa industria cruel e mesquinha que sacrifica a vida de milhões de animais para se sentir mais elegante.

Assine aqui.

Read more...

Vários grupos protestaram nos ultimos dias contra esse festival da industria de peles.

Protesto do Peta, realizado em 31 de março:




Protesto do grupo Equanimal, realizado em 15 de março:

Read more...


Fonte: Cronicato

Read more...

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Voltar aoTopo